Vasco

Vasco

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

A BELA MUSA DO DIA - SANDRQA


Incrível! Ela foi ao fundo do mar, pesando apenas levinhos 43 quilos, e fisgou um melro gigantesco, quase quatro vezes mais robusto 105 kg. Bailarina do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, a ferinha Sandra Diecken estava mergulhada, há cinco metros, quando deparou-se com o peixão. Imaginou tratar-se de um robalo, ou uma garoupa avantajados. Jamais vira um bicho tão gande, de tão perto. Se ela media 1m57cm, o danado tinha 17cm a mais. Era caçá-lo, ou voltar– ficou com a primeira opção.
Sandra atravessou o melro, com o seu arpão. Valente, o animal refugiou-se em uma toca a sete metros de profundidade. Atrás de uma pedra, onde estava, também, um lambaru (espécie de cação), de uns três metros. Barra pesadíssima. O lance final, então, ficou para o dia seguinte. Sandra mandou um tiro na cabeça do melro, e o animal foi içado pela sua patota, no Entrposto Cascardo, onde o fiscal aduaneiro Nilo Rodrigues lavrou uma espécie de ata. A partir de então, ela tornava-se recordista mundial de caça submarina.
O feito da moça que trocava, nas horas vagas, as sapatinhas do balé pelo tipo de fuzil mais forte para as pescas submarinas, foi publicado em uma edição de 500 mil exemplares da magazine “O Cruzeiro”, com fotos de João Martins, e pela única semanário esportiva brasileira, a Revista do Esporte”. Fera, feríssima, a caçadora de espetáculos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário