Vasco

Vasco

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

CALENDÁRIO DA COLINA - 17 DE SETEMBRO

Desde a temporada oficial do futebol carioca de 1958 – encerrada em 17 de janeiro de 1951 –, quando sagrou-se  "SuperSuperCampeão”, o Vasco não conquistava um título do Estadual. No período, só havia levado a I Taça Guanabara-1965, e dividido o “caneco” do Torneio Rio-São Paulo-1966, com Botafogo, Santos e Corinthians, por falta de datas para a decisão, pois a Seleção Brasileira ocuparia o calendário, a partir de então, treinando para a Copa do Mundo da Inglaterra. E, assim se passaram 12 anos na fila.
Veio, então, a temporada-1970. Elba de Pádua Lima, o Tim, dirigia a equipe e foi derrubando os adversários, um a um, até terminar a competição, com  13 vitórias, três empates e só duas quedas, marcando 30 e sofrendo 14 gols, o que lhe deixou com o bom saldo de 16 tentos. O “Batuta” Walter Machado Silva, o camisa 10.  foi o seu principal artilheiro, com nove bolas nas redes.
 NOITE DE GALA - O Vasco ficou campeão carioca na quinta-feira noturna de 17 de setembro de 1970, no Maracanã, vencendo o Botafogo, por 2 x 1, com gols de Gílson Nunes e de Silva, em jogo apitado por José Aldo Pereira, assistido por 59.170 pagantes. A turma da noite foi: Élcio; Fidélis, Moacir, René e Eberval: Alcir e Buglê; Luiz Carlos Lemos, Valfrido, Silva e Gílson Nunes. Era o 10º título estadual – os outros em: 1923, 1929, 1934, 1936, 1945, 1947, 1949, 1950, 1952 e 1958. Confira abaixo datas, placares e goleadores da temporada-1970.  

CAMPANHA: Turno - 28.06.1970 – Vasco 2 x 1 Bonsucesso (gols de Chiquinho (contra) e Silva); 04.07 –  2 x 1 Madureira (Valfrido e Silva); 08.07 –  4 x 2 Bangu (Valfrido, Silva, Bugleux e Luiz Carlos); 11.07 –  0 x 0 Campo Garnde; 19.07 –  1 x 1 Fluminense (Buglê); 22.07 – 1 x 0 São Cristóvão (Silva); 26.07 – 0 x 0 Botafogo; 01.08 – 1 x 0 Olaria (Alcir); 06.08 – 1 x 3 América (Silva); 09.08 – 1 x 0 Flamengo (Silva); 15.08 – 2 x 0 Portuguesa (Buglê (2). Returno -  22.08 – 3 x 1 Olaria (Fidélis, Gílson Nunes e Valfrido); 30.08 – 1 x 0 Flamengo (Valfrido); 06.09 – 2 x 0 Madureira (Silva e Alcir); 19.09 – 4 x 0 Campo Grande (Silva, Valfrido, Luiz Carlos e Ademir); 13.09 – 3 x 2 América ( Silva (2) e Gílson Nunes); 17.09 – 2 x 1 Botafogo (Gílson Nunes e Silva); 20.09 – 0 x 2 Fluminense.        

Diego Souza e Éder Luís comandam o trenzinho da Colina 
VASCO 4 X 0 GRÊMIO-RS - Rolou quando o "Almirante" atingia 41 anos da conquista do seu 10º título de campeão carioca. Foi em São Januário, deixando o time da Colina líder do Brasileirão-2011, com 45 pontos. Elton abriu o placar, aos 3 minutos. Fágner lançou, Éder Luís foi à linha de fundo, pela direita, e cruzou a bola para o meio da área. Mais rápido do que a marcação, Elton a desviou, fazendo 1 x 0.
   O segundo tento foi um golaço. Fellipe Bastos esticou passe, para Diego Souza, que tocou a bola, por entre as pernas de Edcarlos, e a apanhou na frente, batendo forte, na corrida, de fora da área, aumentando, para 2 x 0, placar do primeiro tempo.  Na etapa final, aos seis minutos,  Diego Souza lançou Fagner, que cruzou, para Éder Luis chegar batendo e ampliar: 3 x 0. Aos 16, Diego Souza trabalhou a bola, pelo lado direito da área gremista, e  deixou Fagner chutar, fechando a conta: 4 x 0.
O jogo foi apitado por Ricardo Marques Ribeiro (MG), teve público de 16.014 pagantes e renda de R$ 400.095,00. O técnico interino do Vasco, Cristóvão Borges, contou com: Fernando Prass; Fagner, Dedé, Renato Silva e Jumar; Rômulo, Eduardo Costa, Fellipe Bastos e Diego Souza (Allan); Éder Luís (Leandro) e Elton (Bernardo). (foto reproduzida de w.crvascodagama.com.br) Agradecimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário