Vasco

Vasco

domingo, 27 de setembro de 2015

CALENDÁRIO DA COLINA - 27 DE SETEMBRO

Goleada sobre o São Cristóvão e uma vitória e um empate com dois dos maiores rivais, Fluminense e Botafogo. É o Vasco dos 27 de setembro, data em que registra, também, vitórias sobre o Canto do Rio e o América. Logo, “passou as tropas em revista” no futebol carioca.
VASCO 5 x 1 SÃO CRISTÓVÃO rolou em uma quinta-feira, em São Januário, pelo Campeonato Carioca de 1956, temporada em que o título foi parar na Colina. Os gols foram de Sabará (2), Vavá, Válter Marciano e Laerte, em jogo apitado por Alberto da Gama Malcher. O treinador era Martim Franciasco e o time foi: Carlos Alberto, Paulinho de Almeida e Bellini; Laerte, Orlando e Coronel; Sabará, Válter, Vavá, Livinho e Pinga (foto reproduzido da revista Manchete Esportiva). 

VASCO 2 X 0 AMÉRICA-RJ, no Maracanã, fez parte do Campeonato Carioca-1964. Apitado por Frederico Lopes, teve gols marcados por  Célio, aos 39, batendo pênalti, e aos 86 minutos. Naquele dia, o ex-xerifão Ely do Amparo estava comandando a rapaziada, que era: Ita; Joel Felício, Caxias, Fontana e Barbosinha; Maranhão e Lorico; Mário 'Tilico', Célio, Saulzinho e Da Silva. Aquela não foi uma temporada estadual boa para os vascaínos. O time terminou na sexta colocação, 11 vitórias, 7 empates e 6 derrotas, só à frente dos "pequenos", o que deixou-o a quatro pontos do campeão.

VASCO 1 X 0 REMO-PA, pelo Campeonato Brasileiro-1973, foi vitória fora de casa, em Belém do Pará, com gol marcado por Roberto Dinamite.
 
VASCO 3 x 2  FLUMINENSE, em um domingo de Maracanã com 31.415 pagantes, valeu pelo Carioca de 1981. Foi uma tarde de glória para Roberto Dinamite, que marcou os três gols cruzmaltinos, aos 15 e aos 42 minutos do primeiro tempo, e aos 9 do segundo. Valquir Pimentel apitou e o time, treinado por Antônio Lopes, formou com: Mazaropi; Rosemiro (Gilberto), Ivan, Nei e João Luiz; Dudu, Serginho e Amauri; Wilsinho, Roberto Dinamite e Silvinho (Renato Sá).

VASCO 2 x 0 BOTAFOGO foi do Brasileirão de 1998, em um domingo, no Maracanã. O jogo teve apito de Edílson Pereira de Carvalho (SP), público de 8.213 pagantes e renda de Cr$ 2.610.  O “Delegado” Antônio Lopes estava comandando a rapaziada, que foi: Carlos Germano; Vítor, Odvan, Mauro Galvão e Felipe; Nasa, Válber, Juninho (Nélson) e Ramon; Dedé (Flavinho), Luizão (Alex).     

VASCO 2 x 1 CANTO DO RIO teve gols de Rubens e Waldemar, no domingo 27 de setembro de 1958, no estádio Caio Martins, em Niterói, e Vaco 2 x 0 América, em 1964, contou com Célio Taveira Filho indo às redes em duas oportunidades. O ex-xerifão da linha média vascaína da década-1950, Ely do Amparo, era o treinador. O o jogo foi na Colina, em um domingo, pelo Cariocão, e o time da época tinha Vasco: Ita; Joel, Caxias, Fontana e Barbosinha; Maranhão e Lorico; Mário, Célio, Saulzinho e Da Silva.
 
A "Vascodata" 27 de setembro tem mais: 27.09.1931 – Vasco 1 x 1 Botafogo; 27.09.1992 – Vasco 1 x 1 Fluminense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário