Vasco

Vasco

sexta-feira, 6 de novembro de 2015

CALENDÁRIO DA COLNA - 6 DE NOVEMBRO

Nos 6 de novembro, a "Turma da Colina" tem-se apresentado nos gamados como um autêntico time da pancada forte. Saboreou suco de laranja; fartou-se de tricolar suburbanos; queimou o “Diabo”; torceu o pescoço do “Galo”; escapou de alçapão; envelheceu vila; desmilagrou santo e tirou a sorte no treze. Tá bom?     
 
VASCO 1 X 0 COMBINADO ENGENHO DE DENTRO/MACKENZIE-RJ - Amistoso, em 1921, com gol marcado por Godoy.
 
VASCO 6 X 1 FLUMINENSE - Os tricolores saíram para três duelos nos 6 de novembro. Se tivessem ficado só no primeiro, em um sábado de 1938, na Laranjeiras, até que não sofreriam tanto, pois o placar ficou pelo 1 x 1. Mas acharam de encarar mais. Tudo bem! Em 1943, amistosamente, foram goelados, impiedosamente, por meia-dúzia de laranjas maduras . Cordeiro, nada manso, fez dois. Petrônio outros dois, e Ademir Menezes e Isaías completaram o pancadão. De quebra, a rapaziada levou a Taça Clube de Regatas do Flamengo. Esquisito? Mas foi.  Treinado por Ondino Vieira, este foi o time do massacre: Oncinha, Haroldo e Rafagnelli; Figliola, Nilton e Argemiro; Cordeiro, Isaías (Petrônio) Ademir Menezes e Djalma.

VASCO 4 X 2 AMÉRICA-RJ – O "Diabo" era o mandante da partida, mas quem mandou no placara do estádio das Laranjeiras foi o "Almirante". Corria o Campeonato Carioca-1949 e quem apitava aquele "Clássico da Paz" era Frederick James Lowe. Os goleadores colineiros foram Ademir Menezes (2), Maneca e Chico Aramburu, integrantes deste quadro: Barbosa, Augusto e Laerte; Ely, Danilo e Alfredo; Nestor, Maneca, Heleno de Freitas, Ademir Menezes e Chico.

VASCO 8 X 0 MADUREIRA -  Mais malvados, ainda, foram Pinga (3), Sabará (2), Válter Marciano (2) e Vavá, bateram mais forte no "Tricolor Suburbano". Era o Campeonato Carioca-1955, Eunápio de Queirós apitou e o sacode rendeu Cr$ 80.810,00 no cofrinho de São Januário. Flávio Costa armou esta esquadra bombardeira: Hélio, Paulinho de Almeida e Haroldo; Laerte, Orlando e Beto; Sabará, Valter, Vavá, Pinga e Parodi. 

VASCO 1 X 0 TREZE-PB - Jogo da série caça-níquel. O "Almirante" foi à Campina Grande, na Paraíba, afogar uma graninha, para ajudar no pagamento da folha salarial.  De quebra, cumpriu com a sua obrigação, embora tenha vencido por apenas 1 x 0, com gol marcado por Valdemar. 

 VASCO2 X 0 VILA NOVA-GO - Mais complacente, a rapaziada mandou pouco nas redes do "Tigre" goiano, também dominical, em São Januário, valeu pelo Campeonato Brasileiro-1977. Uma galera de 11.278 testemunhou a vitória que teve arrecadação de Cr$ 367 mil, 290 cruzeiros. Maurílio José Santiago-MG apitou e  Roberto Dinamite marcou, aos 38 minutos do primeiro tempo e aos 7 do segundo. Esta foi a turma treinada por Orlando Fantoni, que não perdoou o visitante: Mazaropi; Orlando 'Lelé",  Abel Braga, Geraldo e Luís Augusto; Zé Mário, Helinho e Guina; Wilsinho (Gaúcho), Roberto Dinamite Paulinho (Zandonaide).

VASCO 2 X 0 FLUMINENSE - Oitava rodada do segundo turno do Estadual-1983, a Taça Rio. Clássico "marcanizado" e, esquisitamente, preliminar de América x Bangu. Com arbitragem de Wilson Carlos dos Santos, os gols foram marcados por Oliveira, aos 23 minutos do primeiro tempo e aos 38 do segundo. O treinador Oto Glória "tricolizou" aquela pela força de: Roberto; Edevaldo, Daniel González (Chagas), Nenê e Galvão; Serginho, Oliveira e Vílson Tadei; Ernâni, Marcelo e Paulo Egídio.

VASCO 2 X 1 OLARIA – Vitória difícil, em campo mais difícil ainda de passar o dono da casa para trás. O apito esteve com José Roberto Wright, o público chegou a 4.765 pagantes e os gols cruzmaltinos foram assinalados por: Roberto Dinamite, aos 18, e por Santos, aos 73 minutos. O treinador Antônio Lopes mandou ao "alçapão" da Rua Bariri: Acácio; Heitor, Fernando, Newmar e Paulo César; Vítor, Luís Carlos e Gersinho (Geovane); Santos (Silvinho), Roberto Dinamite e Romário. 

A VASCODADTA 6 de novembro é acrescida de:  Vasco 1 x 1 Fluminense, em 1938; Vasco 1 x 1 Treze de Campina Grande-PB, em 1960; Vasco 1 x 1 São Paulo, em 1970; Vasco 0 X 0 Atlético-MG, em 1971; Vasco 0 x 0 Santos, em 1987; Vasco 2 x 2 Botafogo, em 1990; Vasco 1 x 1 Juventude-RS, em 1997.  

 
 



Nenhum comentário:

Postar um comentário