Vasco

Vasco

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

REI E RAINHA NA COLINA - PELÉ&MARTA

Aconteceu nas vidas de Pelé e de Marta. Em 1957, o primeiro jogou com a camisa cruzmaltina, por um combinado com o Santos, enquanto o a rapaziada principal da "Turma da Colina"  excursionava pela Europa. Só ficaram em São Januário o lateral-direito Paulinho de Almeida e o capitão Bellini, que deveriam se apresentar, brevemente, à Seleção Brasileira, e os reservas Wagner, Iedo, Artoff e Valdemar. 

Reprodução de www.crvascodgama.com.br
 Rolava o Torneio do Morumbi, e o treinador do escrete nacional, Sylvio Pirillo, foi ao Maracanã assistir aos jogos da moçada contra  o Flamengo, o português Belenenses e o então iugoslavo Dínamo, que não deve ser confundido com o xará soviético. E ficou deslumbrado com um garoto, de 16 anos, que aprontava os demônio como vascaíno – nos jogos em São Paulo, o combinado usaria a camisa santista, mas só a usou em uma partida, porque a disputa foi cancelada, devido prejuízos financeiros.

Naqueles jogos em que o garoto encantou Pirillo, ele compareceu por cinco vezes ao filó, isto é, em todos jogos no Rio de Janeiro, o que levou-o ao time canarinhou. Enaltecido pela imprensas, que nem sabia direito como era o nome dele, o moleque estreou na Seleção Brasileira, em 7 de julho daquele 1957, entrando no segundo tempo e já marcando um gol sobre a Argentina, que viera disputar a Copa Roca. O restante da história não precisa contar. Confere?  
Reprodução de esporteterra.com.br
A alagoana Marta, a maior atleta de todos os tempos no futebol jogado pelas mulheres, foi cruzmaltina por duas temporadas. Depois de mostrar aos patrícios que tinha tudo para ser a rainha da bola, ela chegou em São Januário, para iniciar, pra valer, a sua história, no ano-2000. Pelo time do "Almirante", na temporada-2001, saiu ganhadora do Campeonato Brasileiro sub-21 e teve sua primeira convocação para a Seleção Brasileira.
Hoje, consta do seu currículo, cinco Bolas de Ouro da Fifa, como a melhor do planeta, entre 206 a 2010. Assim como Pelé, ela vestiu, também a camisa 10 do Santos, e ficou em 2009,  campeão  da Taça Libertadores da América e da Copa do Brasil, pelo time que ficou conhecido por "Sereias das Vila".  


.




Nenhum comentário:

Postar um comentário