Vasco

Vasco

domingo, 19 de março de 2017

O ALMIRANTE CORTA FITAS

O Vasco é um tradicional inaugurador de estádios, ou de alguma coisa. Aqui e lá fora. O "Kike da Bola" já encontrou três no Nordeste; um no Sul; dois no Sudeste; um no Centro-Oeste e um em Portugal. Confira:

SALLES DE OLIVEIRA - 19.06.1932 - Vasco 1 X 1 Tupy. Amistoso, em Juiz de Fora-MG. Público: calculado em 8 mil presentes. Gols: Bianco, aos 10 min do 2º tempo, e Russinho. VASCO: Marques, Domingos da Guia e Itália; Tinoco, Mamão e Lino; Baiano, Paschoal, Russinho, Mário Mattos e Sant´Anna. Técnico: Harry Welfare. TUPY: Paschoal (Armando), Nariz e Belozzi; Caiana, Lima e Magalhães; Vavá, Miro, Lage, Biano e Ney.

MOURÃO FILHO - 06.04.1947 – Vasco 4 X 5 Fluminense- Amistoso de inaguração do estádio do Olaria, na Rua Bariri-RJ. VASCO: Barbosa (Barcheta), Augusto e Rafagnelli; Ely, Danilo e Jorge; Djalma (Nestor), Maneca, Friaça, Lelé e Mário. Técnic: Flávio Costa.

FONTE LUMINOSA - 10.06.1951 Vasco 5 x 0 Ferroviária de Araraquara-SP. Amistoso. Juiz: Alberto da Gama Malcher, auxiliado pelos bandeirinhas locais Ernani Salvador Volpi e Rolando Volpi.Gols: Friaça (4), Tesourinha. VASCO: Barbosa; Augusto (Laerte) e Clarel; Ipojucan (Lola), Danilo e Alfredo; Tesourinha, Ademir (Amorim), Friaça, Maneca e Djair (Chico) / Técnico: Flávio Costa. FERROVIÁRIA: Sandro (Tino); Sarvas (Espanador) e Aléssio; Pierre, Basso e Pimentel (Rudge); Guardinha (Baltazar), Fordinho (Milton Viana), Marinho, Gonçalves e Baltazar (Tonhé) Técnico: Zezinho.
JOSÉ ALVALADE – 10.06.1956 - Vasco 3 x 2 Sporting. Amistoso, em Lisboa-POR, em um domingo. O jogo marcou a despedida do futebol de Ademir Menezes, até então o maior ídolo da torcida cruzmaltina. Vavá (2) e Sabará sacudindo as malhas do “golkipa” português. A máquina era pilotada pelo técnico Martim Francisco, carregando Hélio, Paulinho e Orlando; Haroldo, Laerte e Coronel; Sabará, Valter (Livinho), Ademir (Vavá) e Djayr.

LUSO-BASILEIRO – 02.10.1965 - Vasco 2 x 0 Portuguesa-RJ. Juiz: Frederico Lopes. Renda: Cr$ 10.406.500. Gols: Zezinho e Luisão (contra). VASCO: Gainete; Joel, Brito, Fontana e Silas; Maranhão e Oldair; Mário, Célio, Saulzinho e Zezinho. Técnico: Zezé Moreira. PORTUGUESA-RJ: Wagner; Bruno, Luisão, Zózimo e Tião; Jedir e Mário Breves; Inaldo, Tito, Mauro e Zé Carlos.Técnico: Antonio Moraes.

LOMANTO JUNIOR – 05.11.1966 – Vasco 1 x 2 Flamengo. Amistoso, em Vitória da Conquista –BA. Juiz: Guaer Portella Filho. Gols: Oldaria, aos 25; Silva, aos 25, e Juarez, aos 52 minutos. VASCO: FLAMENGO: Franz |(Valdomiro); Leon, Luis Carlos Freitas, Itamar e Paulo Henrique; Válter e Juarez; Gildo (Mendoza), Almir (César Lemos), Silva (Fio) e Dirceu.

JÓIA DA PRINCESA – 13.11. 1966 - Vasco 1 x 0 Fluminense de Feira de Santana-BA. Gol: Val (contra), aos 44 minutos do 2º tempo. VASCO: Édson Borracha (Valdir Appel); Ari, Hélio, Fontana e Silas; Salomão (Maranhão) e Danilo Menezes; Nado, Paulo Mata, Célio e Zezinho. Técnico: Ely do Amparo. FLUMINENSE DE FEIRA: Mundinho; Djalma, Onça, Tadeu (Val) e Chinês; Jarbas e Paulo Choco; Neves, Renato (Nena), Almeida e Geraldo. Técnico: Gentil Cardoso.

MACHADÃO – Estádio João Cláudio de Vasconcelos Machado, em Natal-RN - 04.06.1972 - Vasco 0 x 0 Seleção Olímpica Brasileira. Amistoso. Árbitro: Luís Meirelles. Público: 37.246. VASCO: Andrada; Haroldo, Miguel, Moisés e Eberval; Édson, Suíngue e Marco Antônio; Jorginho Carvoeiro, Silva e Gílson Nunes. Técnico: Mário Travaglini SELEÇÃO OLÍMPICA: Nielsen; Aloísio (Terezo), Abel, Wagner e Celso; Fred, Dirceu e Zé Carlos; Pedrinho, Tuca e Manoel. Técnico: Antoninho. Obs: licalizado na Avenida Prudente de Morais, 5121, no bairro Lagoa Nova.

ESTÁDIO NACIONAL DE BRASILIA (inauguração dos refletores) - 31.03.1966 – Vasco 2 x 1 Flamengo. Amistoso. Árbitro: Idélcio Gomes de Almeida, auxiliado por Nilso de Sá e Rubens Pacheco (FDB). Gols: Célio (pênalti), aos 17 min do 1 tempo, e aos 8 min do 2 tempo. VASCO: Amauri (Silas); Joel (Gama), Brito (Caxias), Ananias e Hipóilito: Maranhão e Danilo Menezes; Wuilliam, Picolé (Zezinho), Célio eTião (Ronildo). Técnico: Zezé Moreira. FLAMENGO: Valdomiro (Marco Aurélio); Murilo, Itamar, Paulo Lumumba e Paulo Henrique; Jarbas (Evaristo) e Juarez; Paulo Alves, Almir (Fio Maravilha), César Lemos e Rodrigues. Técnico: Armando Renganeschi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário