Vasco

Vasco

quinta-feira, 9 de março de 2017

VASCO DA GAMA 1 x 1 VITÓRIA-BA

Gilberto só não conseguiu derrubar os baianos no placar
Desta vez, o torcedor não segurou. Chamou o treinador Cristóvão Borges de burro e apupou o presidente Eurico Miranda, pela franca exibição vascaína. Principalmente, porque o Vitória teve Euller expulso de campo,  pelo final da primeira etapa, e passou toda a segunda com um homem a menos.
O Vasco mostrou um time sem criatividade. Terá que empatar, por mais dois gols, ou mais, ou vencer a segunda parida, em Salvador, na próxima semana.
O tento cruzmaltino foi marcado de pênalti, sofrido e cobrado por Nenê, na última bola do jogo. O do Vitória foi, também, de pênalti, abrindo o placar, quando Manga Escolar caiu e colocou a mão na bola. Mas ele acusou ter sido tocado pelo adversário.
FICHA TÉCNICA – 09.03.2017 -  (quinta-feira) - VASCO 1X1 VITÓRIA-BA. 3ª fase da Copa do Brasil. Estádio: São Januário-RJ. Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha-(GO). Público presente:  9.883. Pagantes:  9.266. Renda: R$ 327.025,00 883.  Gols: Patric, aos 22, e Nenê, aos 47 min do /2º tempo, ambos de pênalti. VASCO: Martin Silva; Gilberto, Rodrigo, Rafael Marques (Jomar) e Henrique; Jean, Douglas, Escudero (Manga) e Nenê; Kelvin (Muriqui) e Thalles. Técnico: Cristóvão Borges. VITÓRIA-BA: Fernando Miguel; José Welison, Alan Costa, Kanu e Euller; Willian Farias, José Welison, Gabriel Xavier (Bruno Ramires) e Cleiton Xavier (David); Paulinho (Geferson) e Kieza. Técnico: Argel Fucks.
 
(Fotos de Paulo Fernandes, de www.crvascodasgama.com.br). Agradecimento

A galera não viu santa nenhuma dando jeito no tamanho do que disse te sido a burrice do treinador Cristóvão Borges

Nenhum comentário:

Postar um comentário