Vasco

Vasco

domingo, 9 de abril de 2017

TERROR NA COLINA - FLASACA

Torcer por um time, todo jornalista torce. É normal, ocorre em qualquer lugar. Mas a paixão do “jornalista-torcedor rubro-negro” chega ao incrível. É que se pode constatar pelo Nº 971 da revista carioca “Fatos e Fotos Gente”, de 31 de março de 1980.
Na capa e em mais uma das duas páginas internas de matéria sobre Roberto Dinamite, foi montada uma autêntica sacanagem flamenguista, com foto do maior ídolo da  história do futebol cruzmaltino usando a camisa do maior rival.
O texto, de Eduardo Lacombe, confessa a provocação à torcida cruzmaltina, usando para isso o anúncio do então presidente do Flamengo,, Márcio Braga, de que estava tentando repatriar o atacante que o Vasco negociara com o espanhol Barcelona, e passava por terríveis momentos no clube catalão. “Com Zico e Roberto, seremos campeões 10 anos seguidos. E haja taça para comemorar”, publicou a revista, atribuindo a frase ao dirigente flamenguista.
 O rubro-negrismo do redator de “Fatos e Fotos Gente” foi mais longe, dizendo que “no Vasco não há mais ambiente para o jogador” e que o Flamengo já tinha definido o esquema publicitário para a estreia do Dinamite com a sua camisa. Em uma partida  projetada para render antigos Cr$ 20 milhões de cruzeiros, e com direitos de televisionamento comprados pela Globo.
Quando nada, o redator encerra o seu onirismo mostrando que não estava acordado quando bolou a pauta: “A imagem (do Roberto rubro-negro) é ótima. Faz sonhar todo mundo (flamenguista, evidentemente)”.
Embora os maiores rivais da “Turma da Colina” tivessem sonhado com o seu maior ídolo, Zico, formando parceria no seu ataque, com o Dinamite, esta aconteceu, mas com a jaqueta cruzmaltina, durante o jogo de despedida dos gramados, de Carlos Roberto de Oliveira, em 24 de março de 1993, no Maracanã. Convenhamos que vestir o atleta vascaíno de vermelho e preto foi uma grande sacanagem flamenguista pra cima da torcida cruzmaltina.
 
Cheering for a team, every journalist twists. It's normal, occurs in qualquere place. But the passion of the" red-black journalist-fan "comes to amazing. It can be seen that by No. 971 of the Rio magazine" Facts and Celebrities Photos "dated March 31, 1980. for her, on the cover and in most of the two inside pages of material about Roberto Dynamite, a picture of the greatest idol in the history of football cruzmaltino using the biggest rival shirt was mounted, Flamengo .
The text of Eduardo Lacombe, confesses to challenge the cruzmaltina crowd, using it for the announcement of the then red-black president, Márcio Braga, that was trying to repatriate the attacker that Vasco negotiated with the Spanish Barcelona and went through terrible times that club. "With Zico and Roberto, be 10 years in a row champions. And there is glass to celebrate, "published the magazine, atribundo phrase to Flamengo leader.
  The editor of the red-negrismo of "Facts and Celebrities Photos" went further, saying that "in Vasco there is no more room for the player" and that Flamengo had already set the advertising scheme for Dynamite's debut with his shirt. Would be in a match designed to render ancient Cr $ 20 million cruise, and televising rights purchased by Globo.
If anything, the writer closes its oneirism showing that he was not awake when the staff came up with: "This (Roberto red-black) is great. Does everyone dream (Flamengo, of course). "


Nenhum comentário:

Postar um comentário