Vasco

Vasco

quarta-feira, 31 de maio de 2017

VASCO DAS CAPAS DA REVISTAS


Esta (E) é uma publicação da Rio Gráfica Editora, que circulou, em 1977, com 72 páginas. Conta a história do goleador, que já deixara Ademir Menezes para atrás no coração das torcida ee tornado-se o maior ídolo da história do futebol cruzmaltina.
Durante aquela temporada em que o Vasco foi o campeão estadual, Roberto Dinamite já anotava 230 gols, brilhante carreira iniciada em 1970, quando marcara apenas dois tentos.
Pelas temporadas seguintes, a estatística anotava: 1971 (15); 1972 (2); 1973 (4); 1974 (17). 1975 (26); 1976 (16) e 1977 (25). Em uma das páginas da revista, Ademir Menezes concede uma entrevista à rapaziada, declarando: "Roberto é meu o herdeiro".   
À direita e abaixo, você vê a revista "Show de Bola", trazendo o atacante Edmundo na capa. Merecida! Durante 1996/1997 ninguém jogou mais bola do que ele por este planeta.
 
Chamado pela imprensa por "Animal", Edmundo é um dos jogadores mais queridos pela torcida vascaína. Além de se declarar torcedor do clube, disse, quando vestia uma outra camisa, que não se sentiria bem marcando gol contra o Vasco. Chegou a perder o emprego, por causa da declaração.
Edmundo teve cinco passagens por São Januário – 1992; 1996/1997; 1999/2.000; 2003/2004; 2008 e 2012. Nesse temo, atuou por 212 vezes com a jaqueta cruzmaltina e marcou 198 gols.     
Mais abaixo, Edmundo aparece capeando um calendário-pôster, ao lado de Romário, quando a edição vendia um Vasco da Gama forte para uma nova temporada que se iniciaria. Por aquela época, ele e o "Baixinho" mantinham muitas rusgas, mas marcaram muitos gols.     

This is a publication of Rio Gráfica Editora, which circulated in 1977 with 72 pages. It tells the whole story of the goalscorer (so far, of course), when he had already left Ademir Menezes behind and became the greatest idol of the crossmaltina fans.
During that season, when Vasco was the state champion, Roberto Dinamite already scored 230 goals, a brilliant career started in 1970, when he scored just two goals. For the following seasons, the statistics noted: 1971 (15); 1972 (2); 1973 (4); 1974 (17). 1975 (26); 1976 (16) and 1977 (25).
 In one of the pages of the magazine, Ademir Menezes gives an interview to the guys, stating: "Roberto is my heir."Below, you see the magazine "Show de Bola", bringing the attacker Edmundo on the cover. Deserved! During the seasons of 1996 and 1997 nobody played more ball than him by this planet.

 Called by the press for "Animal", Edmundo is one of the players most wanted by the Basque fans. In addition to claiming to be a fan of the club, he said, when he defended another club, one time, he would not feel good scoring against Vasco. He even lost his job in one of them, because of the statement.Edmundo had five passages through São Januário - 1992; 1996/1997; 1999/2000; 2003/2004; 2008 and 2012.
At that time, he performed for 212 times with the cruzmaltina jacket and scored 198 goals.More below, he appears capping a calendar-poster, next to Romário, when the edition sold a Vasco da Gama forte for a new season that would begin. By that time, he and the "Baixinho" maintained many raids, but they scored many goals.





Nenhum comentário:

Postar um comentário