Vasco

Vasco

sexta-feira, 30 de junho de 2017

HISTÓRIA DA HISTÓRIA - É CESTA!


A data 30 de junho ganhou destaque no “Calendário da Colina”, porque nela o Vasco da Gama conquistou o seu primeiro título de campeão brasileiro masculino de basquetebol. Aconteceu na temporada-2.000. E o melhor: com vitória sobre o maior rival, o Flamengo, por  110 x 103.
  Naquela finalíssima, a vantagem era vascaína, por ter ganhos dois jogos e os rubro-negros um. Logo, mais uma vez na frente do placar valeria caneco na Colina. O Vasco foi para a partida levando a melhor campanha da primeira fase, eliminando a paranaense Londrina nas quartas e a paulista Franca, nas semifinais. .
 Rolou um jogo extremamente tenso, equilibrado e com o tempo normal ficando nos 91 x 91. Veio a prorrogação e o Vasco não deu a menor chance ao rival, mostrando-se melhor tática e tecnicamente, e com ótimo preparo físico.
 Treinador pelo ex-atleta Hélio Rubens, o Vasco saiu do Maracanãzinho campeão por conta de Helinho (17 pontos), Charles Byrd (21), Rogério (10), Sandro (6) e Vargas (27). Entraram Aylton (17), Demétrius (8) e Mingão (4).  O Flamengo, que tinha em Oscar Schmit, o seu grande nome, teve ainda: Ratto, Robyn Davis, Oscar,  que marcou 36 pontos), Pipoca e Josuel, entrando, no decorrer da partida, Paulinho Villas-Boas, Duda, Bento e Greg Newton, treinado por  Cláudio Mortari.
Todo o grupo vascaíno campeão foi: atletas – Helinho, Manteiguinha, Charles Byrd, Sandro Varejão, Aylton, Mingão, Rogério, Vargas, Demétrius, Diego, Alexandre, Gil, Alex, João Pedro, Ratinho e Guilherme; treinador: Hélio Rubens; assistente técnico: Carlos Duro; médico: Jorge Veríssimo; preparador físico: Geraldo Aluizio; massagistas: José Carlos e Marcos Eduardo.









“Sou comerciante do ramo se materiais de construção e moro em Varginha (cidade mineiras). Um cliente me disse que ouve contar que o meu time, o Vasco da Gama, já esteve por aqui e enfrentou, amistosamente, o Flamengo daqui.  Gostaria de saber quando e qual foi o placar. Quanto a eu morar em Minas Gerais e ser vascaíno é porque nasci no Rio de Janeiro. Meus pais, mineiros, moraram durante muitos anos em Madureira, até voltar para a terra deles, Varginha”.  Aurélio Cunha Neves.
Seguinte, vascaíno: o Vasco enfrentou o Flamengo daí de sua cidade em uma quarta-feira, dia 31 de julho de 1991. Venceu, por 2 x 0, com gols marcados por Macula e Humberto, de acordo com o site www.futebol80.com.br.  “O Kike” não tem a ficha técnica da partida, mas descobriu que o treinador da ocasião era o Antônio Lopes. Se possível dê uma olhada no “Tabelão” da revista “Placar” que você pode encontrar as escalações.
No mais, fazendo uma passeada pela |Internet, o "KikE" encontrou em www.blogdomadeira.com.br uma foto do Flamengo de Varginha, de 1970, quando em sua zaga jogava Lúcio, revelado pelo América-RJ e que foi o primeiro brasileiro a defender a seleção portuguesa. Valeu?             

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário