Vasco

Vasco

terça-feira, 24 de abril de 2018

13 - CHARGISTAS NO ESPORTES - AIRES


Piauiense, de Parnaíba, única cidade banhada pelo mar no Estado, Antônio Aires é “pai”, entre outros,  de Muruma, Ermitão, Luk, o Dragão, Jericar e Veroso, personagens que circularam pelas histórias em quadrinhos. Também, ilustrou vários livros de agências estatais.
 Nascido em 5 de janeiro dede 1947, ele foi professor de desenho em sua terra, onde desenhou para projetos culturais. Chegou ao Distrito Federal, em 1976, e o seu primeiro emprego foi no Jornal de Brasília, para o qual criou símbolos para os times que disputariam o primeiro campeonato de futebol profissional candango.
Após duas temporadas no JBr, ele mudou-se para o José - Jornal da Semana Inteira, que o teve até 1983. Por lá, além de desenhos de várias vertentes, ilustrou páginas sobre a Loteria Esportiva. O próximo passo foi desenhar para a antiga Radiobras, empresa de comunicação do governo, atual  EBC-Empresa Brasileira de Comunicação, que só tratava, na época, de rádio e TV. Ficou por um ano na casa.
 Achando que ganhava pouco, Aires passou para o ramo das agências de publicidade, até ser chamado por mais uma estatal, a Telebrasília, do governo do DF, que o segurou entre 1985 a 2000. Por fim, trabalhou para a Prefeitura da cidade goiana de Formosa. E aposentou-se.
Ayres, como assina, também, na verdade, é mais quadrinista do que chargista. Ele criou, recentemente,  várias ilustrações do personagem Wlaska, a Wlaskaína, que este blog publicará, brevemente, tendo por modelo uma Miss Marasul-Maranhão do Sul que já foi modelo dos guardanapos do Bar Garota de Ipanema, do Rio de Janeiro.            


Um comentário:

  1. ESSE AYRES, MORA EM SOBRADINHO-DF. FICOU MILIONÁRIO DESENHANDO QUADRINHOS PARA A EDITORA EBAL, DISNEY, ETC.

    ResponderExcluir