Vasco

Vasco

sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

TRAGÉDIAS DA COLINA - BREGAIADA

1 - Quando montou a supermáquina que ficou conhecida por "Expresso da Vitória", pois vencia quase tudo o que disputava, o Vasco da Gama tornou-se um catador de níqueis pelo Brasil inteiro. Fazia verdadeiros "jogos bregas", sem tomar conhecimento de onde fosse o gramado e a sua qualidade.
Com o tempo passando, o espírito brega seguiu rondando São Januário. Exemplo: em 17 de novembro de 2010,  um empresário colocou os vascaínos dentro de um avião, juntamente como time do Santos e o desembarcou no estádio Alberto Silva, em Teresina, no Piauí, para um amistoso brega, daqueles apropriados para tirar o pé das divididas.
 A breguice rolou em noite de uma quarta-feira,  com Vasco 1 x 0, no gol marcado por Rafael Coelho, aos 38 minutos do segundo tempo. A rapaziada era: Tiago; Fernando (Douglas), Jadson e Titi; Ari, Rômulo, Allan, Fumagalli (Caíque) e Carlinhos; Rafael Coelho (Diego Rosa) e Nunes (Patrick). Técnico: Acácio (interino).

2 - A data 17 de outubro de 2010 está nos registros da Colina como sendo a primeira  vez em que o "Almirante" levou gol marcado por goleiro em um Campeonato Brasileiro. Aconteceu no estádio Serra Dourada, em Goiânia-GO, em Vasco 0 x 2 Atlético-GO. Quem apitou o pênalti foi o árbitro Márcio Chagas da Silva-RS e quem cobrou foi o goleiro Márcio, diante de 14.175 pagantes. No dia, o vexame tornou-se duplo, pois o lateral Carlinhos terminou expulso de campo. Time escalado pelo técnico PC Gusmão:  Fernando Prass; Irrazábal, Cesinha, Dedé e Carlinhos; Rafael Carioca, Jumar, Fellipe Bastos (Allan) e Felipe; Zé Roberto (Jonathan) e Eder Luis (Nilson). Técnico: PC Gusmão.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário