Vasco

Vasco

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

CORREIO DA COLINA - ADEMIR

"Quando foi e contra quem rolou a estreia de Ademir Menezes no time cruzmaltino?" Paulo Leão Batista, de Ceilândia-DF
 Grande Ademir. O seu xará estreou enfrentando o América, em 22 de março de 1942, no campo do Botafogo, na Rua General Severiano. No dia, estava em disputa o “Troféu da Paz”, e o Vasco o conquistou, com 2 x 1 na conta. Foi quando os duelos entre os dois times passaram a ser chamados de “Clássico da Paz”'. O primeiro tme do “Queixada” na Colina tinha: Barbosa, Augusto, Rafagnelli, Laerte, Eli do Amparo, Danilo, Jorge, Alfredo, Ipojucan, Maneca, Friaça, Lelé, Tesourinha, Dejair, Chico, Heleno de Freitas e Jair Rosa Pinto, entre outros.
No final de 1955, Ademir decidi encarrar a carreira, mas o Vasco não concordava. Mesmo assim, ele deixou São Januário e voltou para onde começou, o Sport Recife, para reverter-se ao amadorismo. Jogou algumas partidas, em 1956, e despediu-se dos gamados perdendo do Bahia, por 2 x 0. Depois, tornou-se cronistas esportivo e comentarista de rádio, no Rio de Janeiro.
Os títulos da carreira de Ademir com a camisa cruzmaltina: 1945- campeão carioca invicto; 1948 - campeão sul-americano de campeões; 1949 -campeão carioca invicto e artilheiro do campeonato; 1950 - bicmpeão carioca e artilheiro do campeonato; 1952 - campeão carioca pelo Vasco da Gama
bicampeão juvenil pernambucano (1937/38) e - tricampeão pernambucano (1943/44), Ademir estreou na Seleção Brasileira em 1945, vencendo a Colômbia, por 3 x 0. Seu último jogo pela equipe foi em 1953, vencendo o Uruguai, por 1 x 0. Foram 41 partidas, com 30 vitórias, 5 empates e 6 derrotas. Além dele, com 9 gols, em 1950, o Brasil só teve um outro artilheiro em uma Copa do Mundo, Ronaldo Fenômeno, em 2002.
Em 1956, o espanhol Real Madrid eras considrado o time mais forte do mundo. Em 18 de julho daquele ano, em uma quarta-feira, o Vasco empatou com ele, por 2 x 2, no Estádio Olímpico, de Caracas, na Venezuela, pela Pequena Copa do Mundo. Sabará abriu o placar, aos 56 minutos. Real empatou, aos 61 e desempatou, aos 70. Astolfi reempatou, aos 71. Martim Francisco era o treinador e o time foi: Carlos Alberto, Dario, Bellini e Coronel; Laerte e Orlando; Sabara, Livinho (Pinga), Vavá, Walter e Djair (Artoffi). O Real Madrid era: Alonso, Atienza, Marquitos e Lesmes; Muñoz e Zárraga; Joselito, Marsal, Di Stéfano, Rial e Gento. O árbitro fo o venezuelano Benito Jackson.

Nenhum comentário:

Postar um comentário