Vasco

Vasco

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

O VASCO NOSSO DE CADA DIA - 27.10

Uma data de poucas vitórias (e jogos vascaínos) , o 27 de agosto. Mas com muitas emoções, inclusive, com gol no último minuto. Saiba disso:

VASCO 1 X 0 FLAMENGO - Domingo, no estádio das Laranjeiras. Chegava o Flamengo para um grande duelo, válido pelo Campeonato Carioca-1929, levando dois treinadores, Joaquim Guimarães e Raphael Candiota. Orientado pelo inglês Harry Welfare e sob  o apito de Carlos Martins da Rocha, o Carlito, mandou 1 x 0, com Russinho cobrando pênalti, no primeiro tempo. Time da vitória: Jaguaré, Brilhante e Itália; Tinoco, Fausto e Mola; Paschoal, Russinho, Oitenta-e-Quatro, Mário Mattos e Santana.
Aquele foi o 12 jogo entre os dois clubes, com seis vitórias vascaínas e dois empates. No confronto (iniciado em 29 de abril de 1923, com Vasco 3 x 1), a “Turma da Colina” já estava na frente, embora o seu futuro maior rival (o primeiro foi o América) tivesse quatro anos a mais de rodagem. Foi um dos triunfos da campanha do título vascaíno daquela temporada carioca, disputada por 11 times que se pegaram em dois turnos e decidida contra os americanos, em uma melhor de três. O 1 x 0 não poderia ser considerada vitória por acaso, pois a rapaziada havia batido os rubro-negros, por 3 x 2, no primeiro turno (14.07.1929).

VASCO 5 X 2 MADUREIRA – Amistoso convidado pelo adversário, com Gradim, Kulo, Luna, Bahianinho e Luis de Carvalho sacudindo o filó. Primeiro encontro entre os dois clubes nestas circunstâncias - o segundo foi em 13 de março de 1939, em Conselheiro Galvão, com os cruzmaltinos mandando 4 x 2.
 
VASCO 3 X 2 SÃO PAULO - Além de colocar "Urubu" em queda livre, em um outro 27 de outubro, no de 1968, o "Almirante" mandou reza brava pras cima de um santo, com quem se encontrava desde 4 de junho de 1940. Valeu pelo Torneio Roberto Gomes Pedrosa – à época chamado Taça de Prata –,  no Maracanã, em um domingo, com vitória de virada e gols cruzmaltinos marcados por  Silvinho, aos 27; Jurandir (contra), aos 42, e Beneti, aos 87 minutos. O público foi de 26 mil e 54 pagantes, o argentino Roberto Goecochea apitou, Paulinho de Almeida era o treinador e o time batedor era formado por: Pedro Paulo; Ferreira, Brito, Fernando e Eberval; Alcir e Buglê (Benetti); Nado, Adílson Albuquerque, Valfrido e Silvinho (Bianchini).

VASCO 1 X 0 CORITIBA - O sérvio Petkovic serviu neste jogo para dar os três pontos ao "Almirante", na última bola do jogo, aos 46 minutos do segundo tempo. Vitória importante por ter sido na casa do adversário – Estádio Couto Pereira, em Curitiba –, valendo pelo Campeonato Brasileiro-204.  Rodrigo Martins Cintra-SP apitou e Joel Santana era o treinador vascaíno deste time: Cássio; Thiago Maciel, Fabiano, Henrique e Chiquinho (Diego); Silva, Emerson, Coutinho e Petkovic; Marco Brito (Rubens) e Anderson (André Lima).   

Na "Vascodata" 27 de outubro, acrescente: Vasco 1 x 1 América de Três Rios-RJ,  em 1991, e Vasco 1 x 1 Fluminense, em 1992

Nenhum comentário:

Postar um comentário