Vasco

Vasco

domingo, 6 de setembro de 2015

CORREIO DA COLINA- BUGLÊ

"Acabo de conhecer, pessoalmente, o Buglê, com quem já havia falado, por telefone, algumas vezes. Ele foi O meu ídolo no meu Vascão da Gama Dos anos-70, quando na minha terra, Caculé-Ba, ainda nem tinha televisão, escutávamos o jogo pela Rádio Globo (Valdir Amaral, Jorge Curi, José Carlos Araújo..). Esse encontro, em Brasília,  já estava programado, há algum tempo. Fiquei impressionado com a simpatia, a sobriedade, o caráter do Buglê, o que muito me emocionou, ao apertar a sua mão, olhar nos seus olhos, e comentar tantas coisas do futebol de ouro de antigamente... Grande Buglê, que Deus te dê muita saúde e paz, você merece, és um grande homem!! Um abraço do seu eterno fã: Betão Pereira

 Grande Betão! O Zé Alberto é, realmente, gente final. Em um dos meus aniversários, aliás "Luas", pois baiano ada minha terra, faz é Lua, ao glorioso Bougleux veio à minha casa, com a sua mulher e uma filha, almoçar conosco; Fizemos um sacrifício e descemos algumas loiras, estupidamente, pelo pescoço por dentro, evidentemente. Ele trouxe, como presente, ovos de sua chácara. Eu ofereci-lhe uma aplaca com a foto dele erguendo, como capitão vascaíno, a taça do Campeonato Carioca de 1970.  Veja na data 11 de novembro de 2012, acessando a memória do blog. Dê uma olhada pela memoria do Kike. Ainda tenho dois postais da foto. Mande o seu endereço, que lhe mando um deles. Continue prestigiando o Kike, pois teremos muitas matéria novas da história vascaína a pela frente. Estou pesquisando, pois comprei muitas revistas antigas. Aproveite e inscreva-se como seguidor, no lado direito da tela. Brevemente, vou sortear um livro sobre o Vasco para os seguidores. Saudações vascaínas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário