Vasco

Vasco

sábado, 18 de fevereiro de 2012

CALENDÁRIO DA COLINA - 18 DE FEVEREIRO




Válter entre o presidente Pires do técnico Flávio Costa (D)
A foto é de 18 de fevereiro de 1956, um sábado, quando o Vasco mandou 3 x 1, de virada, pra cima do no Bonsucesso, no Maracanã, durante a campanha do título carioca da temporada.
O meia Válter Marciano, autor de dois tentos, contou ao repórter da Manchete Esportiva: “Já estava encabulado com a frustração dos nossos ataques, quando fiz os gols. Como perdemos chances, minha Nossa Senhora!”. Mas enquanto Válter cobrava, seu colega Pinga o elogiava: “Que obras primas, os gols do Wálter!”.
O golaço de bicicleta de Walter
Detalhe: a grafia correta era Válter, mas a rapaziada usava com W. Quanto ao jogo,  marcou a estreia de cruzmaltinos e rubro-anis no turno decisivo do Estadual. O “Bonsuça” mexeu no placar, aos 55 segundos. O empate saiu aos 28, quando “Wálter recebeu um ótimo passe de Pinga, e, num rodopio espetacular, venceu a cidadela leopoldinense”, contou a revista. No segundo tempo, o Vasco desempatou, aos 33, com Pinga, lançado por Alvinho. Aos 39, Walter fechou a conta. “Pinga recebeu um centro de Parodi e cabeceou na trave. A bola voltou para Wálter que, numa ‘bicicleta’ espetacular selou a sorte do encontro”.
Manuel Machado apitou, a rende foi deCr$ 35 mil, 139 cruzeiros e 60 centavos. A “Turma da Colina” ateve: Hélio; Paulinho de Almeida e Haroldo; Laerte, Orlando e Beto; Sabará, Válter, Pinga, Alvinho e Parodi.  Confira a foto do gol de bicicleta, do grande Valter. 

INVITAÇO - Sete jogos e sete vitórias – 2 x 0 Americano; 3 x 1 Duque de Caxias; 3 x 1 Bangu; 2 x 0 Friburguense; 3 x 0 Volta Redonda: 2 x 1 Fluminense e 1 x 0 Boavista. Era assim se contava a trajetória cruzmaltina na fase eliminatória da Taça Guanabara. Com um cartel 100%, 21 pontos, o "Time da Colina" terminava a etapa em primeiro lugar no Grupo B, classificado para enfrentar o Flamengo (segundo do Grupo A),a, decidindo uma vaga de finalista.
O Vasco jogou com time misto, pois o técnico Cristóvão Borges queria descansar os titulares mais desgastados. Além disso, o zagueiro Rodolfo, não jogou. O gol da vitória foi marcado pelo atacante Kim, aos 34 minutos do segundo tempo da partida assistida por 1.743 pagantes. Este foi o time: Fernando Prass; Fagner, Renato Silva, Douglas e Max; Nilton, Eduardo Costa, Diego Rosa e Diego Souza (Jonathan); Willian Barbio (Johncley) e Alecsandro (Kim). Técnico: Cristóvão Borges.

PIAUIPIURRA - No  18 de fevereiro, o Flamengo do Piauí, também, achou de pintar diante da “Turma da Colina”. E, por duas vezes apanhou muito: 5 x 0, em 2004, e 4 x 1, em  2009. Em ambas, voou da Copa do Brasil, e na primeira fase.
O primeiro desses jogos rolou em uma quarta-feira à noite, em São Januário. Como a galera não botava muita fé no time visitante, só pintaram nas bilheterias 418 pagantes, que deixaram a graninha de apenas R$ 2.090,00, que deu “pra comprar as bolas da goleada”. Cleber Wellington Abade (SP) apitou e os “sacodes” vascaínos começaram com Marcelinho Carioca, aos  16 minutos do primeiro tempo. No segundo,  Morais, aos 3; Ygor, aos 17; Valdir, aos 20, e Victor Boleta, aos 38, acabaram de arrochar os rubro-negros piauienses. Geninho era o comandante da rapaziada impiedosa, que era:  Fábio, Claudemir, Wescley (Fabiano), Santiago (Coutinho) e Victor Boleta; Ygor, Rodrigo Souto, Morais (Léo Macaé), e Robson Luis; Marcelinho Carioca e Valdir ‘Bigode”.
O segundo pancadão foi em uma nova noite e quarta-feira, daquela vez no Estádio Alberto Silva, em Teresina, jogo de ida. Francisco de Assis Almeida Filho (CE) pegou o apito e mandou o time do técnico Dorival Júnior dar novas saídas de bola, pro causas dos gols de Jéferson, aos 9, e de Élton, aos 25 minutos do primeiro tempo, bem como os de Paulo Sérgio, aos 23 da etapa final, quando Élton voltou ao filó, aos 43.
A turma da pancada foi: Tiago; Paulo Sérgio, Fernando, Titi e Ramon; Amaral, Nilton, Jéferson (Mateus) e Carlos Alberto (Alex Teixeira); Rodrigo Pimpão (Faioli) e Élton.

Nenhum comentário:

Postar um comentário